Quer me mandar uma mensagem? | contato@www.educadordesucesso.com.br

11 dicas para o tratamento da obesidade infantil

/, Saúde e Bem Estar/11 dicas para o tratamento da obesidade infantil

11 dicas para o tratamento da obesidade infantil

  1. Para evitar que a criança se sinta excluída, prepare as refeições de modo que toda família possa saborear.
  2. Sirva as refeições em porções controladas, para evitar o consumo de grandes quantidades e a repetição dos pratos (colocar o prato já feito para toda a família e não as travessas na mesa).
  3. Não faça comidas ricas em gorduras e não coloque à mesa: maionese, Ketchup, geleias, óleos etc.
  4. Deixe sempre a geladeira provida de frutas, leite, iogurtes desnatados, gelatinas, legumes e verduras.
  5. Dê maior ênfase ao que a criança pode comer, e não ao que ela não pode comer.
  6. Elogie sempre qualquer progresso que a criança venha a ter.
  7. Estimule-a para praticar alguma atividade física como: natação, caminhada, futebol, judô etc.
  8. Nunca use a comida como recompensa.
  9. Não brigue ou critique a criança durante as refeições, para que ela não desconte sentimentos na comida. Se ela se acostumar a comer muito por outras razões que não a fome provavelmente fará isso para o resto da vida.
  10. Ofereça sempre e somente opções alimentares saudáveis (exemplo: deixe que a criança escolha entre uma fruta e um iogurte, e não entre a fruta e um chocolate).
  11. Explique sempre o porquê de comer determinado alimento ou não.
By | 2013-07-18T00:02:52+00:00 julho 18th, 2013|Dicas, Saúde e Bem Estar|4 Comments

About the Author:

Educadora graduada em Pedagogia e Serviço Social e pós-graduada em Educação Infantil com larga experiência na área de educação em seus vários ramos.

4 Comments

  1. […] Para evitar que a criança se sinta excluída, prepare as refeições de modo que toda família possa saborear.  […]

  2. Elaine Coca 12 de janeiro de 2014 at 10:52 - Reply

    Gostei muito do tema, pois este ano quero desenvolver um projeto de alimentação saudável para crianças de 2 anos na creche em que trabalho, pois a aceitação de legumes, verduras e frutas nessa faixa etária é muito difícil, adoraria receber sugestões…

    • Eliane S. Silva 13 de janeiro de 2014 at 22:08 - Reply

      Obrigada Elaine. É confortante saber que Educadores como você estão motivados a motivar e estimular nossas crianças a terem uma qualidade de vida melhor, com mais saúde. Parabéns pela sua iniciativa.
      Em resposta a sua solicitação, postei um artigo sobre “Como estimular seus alunos a comerem frutas, legumes e verdura? ”
      Espero ter ajudado.
      Sucesso no seu projeto.
      Um abraço.

  3. Elaine Coca 12 de janeiro de 2014 at 12:51 - Reply

    Gostei muito do tema, pois este ano quero desenvolver um projeto de alimentação saudável para crianças de 2 anos na creche em que trabalho, pois a aceitação de legumes, verduras e frutas nessa faixa etária é muito difícil, adoraria receber sugestões…

Leave A Comment